Proteção Fetal da CattleMaster GOLD


O vírus da BVD causa diversos tipos de sintomas no rebanho bovino, um dos seus principais alvos é o sistema reprodutivo, causando abortos e perdas embrionárias/ fetais. Lembrando que a reprodução é um dos importantes pilares na lucratividade da bovinocultura moderna.
A principal forma de perpetuação deste tipo de vírus no rebanho é através da formação dos bezerros persistentemente infectados, oriundos de uma infecção fetal durante a gestação do animal prenhe.
Através de uma nova tecnologia da Pfizer Saúde Animal em sua vacina CattleMaster GOLD com a presença de um novo e revolucionário adjuvante (Prezent - A), conseguimos atingir um nível de proteção fetal nunca antes atingido.
Foi realizado um estudo no qual foram utilizadas 39 vacas soronegativas para BVD tipo 1: os animais do grupo CattleMaster GOLD receberam duas doses da vacina com intervalo de 21 dias. Enquanto que todos eles receberam intranasalmente o BVDV tipo 1 e foram coletados o fluído amniótico e fetal para identificação viral.
Veja no gráfico os resultados obtidos quanto a proteção fetal contra BVD tipo 1: conseguimos atingir a incrível marca de 100% DE PROTEÇÃO FETAL. Com este resultado conseguimos incluir na bula (registro) do produto esta proteção fetal contra o nascimento de bezerros persistentemente infectados por vírus de BVD tipo 1. 
Relembrando que a principal forma de perpetuação deste tipo de vírus no rebanho é através da formação dos bezerros persistentemente infectados (PI), oriundos de uma infecção fetal durante a gestação do animal prenhe. Assim prevenir esta formação é conseguir controlar a doença.
Através do novo adjuvante (Prezent - A), já conseguimos atingir um nível de proteção fetal contra BVD tipo 1 nunca antes atingido.
Para mostrar também esta alta proteção contra o BVD tipo 2 foi realizado um estudo no qual foram utilizadas 39 novilhas soronegativas para BVD tipo 2: os animais do grupo CattleMaster GOLD receberam duas doses da vacina com intervalo de 21 dias. Enquanto que todos eles receberam intranasalmente o BVDV tipo 2 e foi coletado o tecido fetal para identificação viral. Muito importante salientar que o momento em que foi realizado a infecção intranasal é o período mais crítico para o desenvolvimento dos animais PI.
Veja no gráfico os resultados obtidos quanto a proteção fetal contra BVD tipo 2: conseguimos atingir a incrível marca também de 100% DE PROTEÇÃO FETAL e 97% de redução de viremia (ou seja, o período em que o vírus fica circulante no animal). Com este resultado conseguimos incluir também na bula (registro) do produto esta proteção fetal contra o nascimento de bezerros persistentemente infectados por vírus de BVD tipo 2. 
Já conversamos um pouco sobre a doença BVD e de como a vacina CattleMaster GOLD pode ajudar na prevenção na formação dos bezerros persistentemente infectados (principal forma de perpetuação da doença dentro do rebanho).
Nesta última parte iremos falar um pouco sobre a doença IBR. Sabemos também que esta causa muito problemas reprodutivos (como abortos, perda embrionária, infertilidades, metrites, balanopostites, vulvovaginites, entre outras), impactando negativamente a lucratividade.
Antes de mostrar os resultados que tivemos com o uso da vacina CattleMaster GOLD, gostaria de mostrar um levantamento que fizemos de 1996 até o ano de 2011 dentro de um programa da Pfizer Saúde Animal - PROBOV. Com ele fizemos mais de 240.000 amostras de animais de todo o Brasil, testadas para as doenças IBR, BVD e Leptospirose. Seguem os dados que obtivemos:
1) IBR: 66,7% dos animais positivos e 92,4% das fazendas positivas
2) BVD: 77,6% dos animais positivos e 90,9% das fazendas positivas
1) Leptospirose: 51,7% dos animais positivos e 81,6% das fazendas positivas
Desta forma podemos verificar que esta 3 doenças, que causam enormes prejuízos para a pecuária brasileira, é muito presente e prevalente em nosso rebanho. A prevenção é sem dúvida nenhuma a melhor opção...
Voltando para a comprovação da eficácia contra IBR foi realizado um estudo no qual foram utilizadas 25 novilhas soronegativas para IBR: os animais do grupo CattleMaster GOLD receberam duas doses da vacina com intervalo de 21 dias. Todos eles receberam pela via intravenosa o vírus da IBR no terço final da gestação (momento mais comum para os abortos causados por IBR). 
Veja no gráfico os resultados obtidos para a proteção fetal contra IBR: conseguimos atingir 92% DE PROTEÇÃO FETAL. Ou seja, somente 1 animal abortou no grupo que recebeu a CattleMaster GOLD (total de 13 animais), enquanto que 11 de um total de 12 animais do grupo controle apresentaram abortos, bezerros fracos ou natimortos.
As doenças reprodutivas causam muitos prejuízos e estão presentes em todo território nacional. Sem dúvida a melhor estratégia é a vacinação. E se for para escolher, escolheremos a melhor vacina... 
CattleMaster GOLD!!! da Pfizer Saúde Animal com o novo, moderno e revolucionário adjuvante Prezent A - é TOTAL proteção fetal para BVD (tipo 1 e 2) e IBR.